Uma educação para a sensibilidade: circulação de novos saberes sobre a educação do corpo no começo do século XX na Ibero-América

Marcus Aurelio Taborda de Oliveira, Claudia Ximena Herrera Beltran

Resumo

O texto analisa práticas de produção, circulação e apropriação de saberes sobre a educação do corpo entre o final do século XIX e o começo do XX. Recorre a fontes de natureza distinta, procurando mostrar pontos de contato entre iniciativas reformadoras, perguntando como e quando as novas formas de pensar a educação do corpo e das sensibilidades se deslocaram da América Latina à Europa ou o seu contrário. Cremos que os vetores dessas novas formas não tinham mão única – da Europa a nossos países; também daqui partiam experiências que qualificariam a instrução pública em terras europeias. Nosso olhar se volta às experiências de Argentina, Brasil, Colômbia e Espanha, tentando compreender aqueles deslocamentos a partir dos mediadores culturais propostos pela perspectiva das histórias conectadas.

 

Palavras-chave

História da Escolarização; História do Currículo; Histórias Conectadas; Educação dos Sentidos e das Sensibilidades; História das Práticas Corporais

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.